quinta-feira, 20 de outubro de 2011

Após o julgamento pré-advento, o julgamento no advento e o julgamento milenário, ocorre o Juízo Final!


O Juízo Final e o Lago de Fogo “Depois que os mil anos terminarem, Satanás será solto da sua prisão” (Ap 20:7, NTLH). Após a volta de Jesus os anjos maus foram confinados a atmosfera terrestre (a qual possivelmente não mais exista devido o contato fatal entre a glória de Deus e o pecado na Terra, cf. Ap 6:14, II Pe 3:10 e Is 34:4); eles foram impedidos pelo poder divino de se refugiarem noutro planeta habitado, é por isso que ficaram “trancados numa prisão” (Is 24:22, NVI), principalmente o pai do engano “para que não mais enganasse as nações até se completarem os mil anos” (Ap 20:3). Como vimos, nada há vivo no planeta (talvez plantas, ervas daninhas, cf. Jr 4:23-26); somente os anjos maus e seu líder. Lembre-se, porém, que “os outros mortos [os não ressuscitados no advento de Jesus e os que “O traspassaram”, que viram o Messias em Sua glória e voltaram ao pó] não tornaram a viver até que os mil anos terminaram” (Ap 20:5). “O mar entregou os mortos que nele havia, e a morte e o Hades [sepultura no grego] entregaram os mortos que neles havia” (Ap 20:13, NVI). Então, Satanás (o líder) “sairá a seduzir as nações que há nos quatro cantos da terra [pois elas acabaram de ressurgir pelo poder divino, Jo 5:28 e 29], Gogue e Magogue, a fim de reuni-las para a peleja. O número dessas é como a areia do mar” (Ap 20:8). “Nas profundezas o Sheol [sepultura no hebraico] está todo agitado para recebê-lo quando chegar. Por sua causa ele desperta os espíritos dos mortos, todos os governantes da terra. Ele os faz levantar-se dos seus tronos, todos os reis dos povos” (Is 14:9, NVI). “Vi também a cidade santa, a nova Jerusalém, que descia do céu, da parte de Deus, ataviada como noiva adornada para o seu esposo” (21:2). “Marcharam, então, pela superfície da terra e sitiaram o acampamento dos santos e a cidade querida” (Ap 20:9). “Depois vi um grande trono branco e aquele que nele estava assentado. A terra e o céu fugiram da sua presença, e não se encontrou lugar para eles. Vi também os mortos [recém ressuscitados], grandes e pequenos, de pé diante do trono, e livros foram abertos. Outro livro foi aberto, o livro da vida. Os mortos foram julgados de acordo com o que tinham feito, segundo o que estava registrado nos livros” (20:11 e 12, NVI). “E foram julgados, um por um, segundo as suas obras” (:13). Chegou o epílogo da história do pecado no universo de Deus! Aquilo que os salvos viram durante o milênio, os que escolheram a vida sem Deus (isto é, a morte!) contemplam por “pouco tempo” (Ap 20:3, horas, dias ou semanas?). E ao enxergarem nos “livros” (leia mais abaixo sobre a tecnologia divina que acelerará o juízo final) sua biografia rebelde e negligente, suas escolhas ateístas e seu estilo de vida infernal, reconhecerão todos, inclusive os anjos maus, inclusive Satanás, que seu destino não é com os salvos, com Deus, não é a vida eterna! “Todos os povos que criaste virão e se curvarão diante de ti” (Sl 86:9, NTLH), “para que, em homenagem ao nome de Jesus, todas as criaturas no céu, na terra e no mundo dos mortos, caiam de joelhos e declarem abertamente que Jesus Cristo é o Senhor, para a glória de Deus, o Pai” (Fp 2:10 e 11, NTLH). Jesus, por meio de Isaías, predisse sobre esse momento espetacular: “Diante de mim se dobrará todo joelho, e jurará toda língua. De mim se dirá: Tão-somente em JAVÉ há justiça e força; até ele virão e serão envergonhados todos os que se irritarem contra ele” (Is 45: 23 e 24). Os perdidos seduzidos por Satanás e até os próprios anjos maus que o acompanham desde o Céu se voltam para ele e dizem: ‘Você também perdeu as forças como nós, e tornou-se como um de nós’. Sua soberba foi lançada na sepultura, junto com o som das suas liras [certamente os anjos maus se lembram, neste instante, dos coros angelicais celestes regidos pelo maestro Lúcifer antes dele escolher voluntariamente se tornar Satanás!]; sua cama é de larvas, sua coberta, de vermes. Como você caiu dos céus, ó estrela da manhã, filho da alvorada! Como foi atirado à terra, você, que derrubava as nações! Você que dizia no seu coração: ‘Subirei aos céus; erguerei o meu trono acima das estrelas de Deus; eu me assentarei no monte da assembléia, no ponto mais elevado do monte santo. Subirei mais alto que as mais altas nuvens; serei como o Altíssimo’. Mas às profundezas do Sheol você será levado, irá ao fundo do abismo! Os que olham para você admiram-se da sua situação, e a seu respeito ponderam: ‘É esse o homem que fazia tremer a terra e abalava os reinos, e fez do mundo um deserto, conquistou cidades e não deixou que os seus prisioneiros voltassem para casa?’” (Is 14:10-17, NVI). Não obstante, “Satanás os juntará para a batalha, e eles serão tantos como os grãos de areia da praia do mar. Eles se espalharam pelo mundo e cercaram o acampamento do povo de Deus e a cidade que ele ama, mas um fogo desceu do céu e os destruiu” (Ap 20:8 e 9, NTLH). “Porque JAVÉ se levantará, como no monte Perazim, e se irará, como no vale de Gibeão, para realizar a sua obra, a sua obra estranha, e para executar o seu ato, o seu ato inaudito. Agora, pois, não mais escarneçais, para que os vossos grilhões não se façam mais fortes; porque já do Senhor, JAVÉ dos Exércitos, ouvi falar de uma destruição, e essa já está determinada sobre toda a terra” (Is 28:21 e 22). “O diabo, o sedutor deles, foi lançado para dentro do lago de fogo e enxofre, onde já se encontram não só a besta como também o falso profeta; e serão atormentados de dia e de noite, pelos séculos dos séculos” (Ap 20:10). Será um evento extremamente triste para a Trindade, especialmente para o “Arcanjo Miguel”, o “Anjo de JAVÉ” – o Senhor Jesus, o Criador e Chefe dos anjos, aquele que também se tornara Anjo para conviver com eles e ensiná-los a se relacionar com a Trindade (Zc 12:8, I Ts 4:16 e Ap 12:7). Ele dirá: “Tão certo como eu vivo, diz JAVÉ Deus, não tenho prazer na morte do perverso, mas em que o perverso se converta do seu caminho e viva” (Ez 33:11) e “Eu é que sei que pensamentos tenho a vosso respeito, diz JAVÉ; pensamentos de paz e não de mal, para vos dar o fim que desejais” (Jr 29:11). “E ainda outro anjo, que tem autoridade sobre o fogo, saiu do altar e bradou em alta voz àquele que tinha a foice afiada: ‘Tome sua foice afiada e ajunte os cachos de uva da videira da terra, porque as suas uvas estão maduras!’ O anjo passou a foice pela terra, ajuntou as uvas e as lançou no grande lagar da ira de Deus. Elas foram pisadas no lagar, fora da cidade, e correu sangue do lagar, chegando ao nível dos freios dos cavalos, numa distância de cerca de trezentos quilômetros” (Ap 14:18-20, NVI). “No dia do juízo haverá menor rigor para Sodoma do que para você [Cafarnaum]” (Mt 11:24, NVI). “Aquele servo que conhece a vontade de seu senhor e não prepara o que ele deseja, nem o realiza, receberá muitos açoites. A quem muito foi dado, muito será exigido; e a quem muito foi confiado, muito mais será pedido” (Lc 12:47,48, NVI) e “beberá do vinho do furor de Deus que foi derramado sem mistura no cálice da sua ira. Será ainda atormentado com enxofre ardente na presença dos santos anjos e do Cordeiro” (Ap 14:10, NVI). “Então a morte e o Hades foram lançados no lago de fogo. O lago de fogo é a segunda morte. Se o nome de alguém não foi encontrado no livro da vida, este foi lançado no lago de fogo” (Ap 20:14,15, NVI). “Pela multidão das tuas iniqüidades, pela injustiça do teu comércio, profanaste os teus santuários; eu, pois, fiz sair do meio de ti um fogo, que te consumiu a ti, e te tornei em cinza sobre a terra, aos olhos de todos os que te vêem. Todos os que te conhecem entre os povos estão espantados de ti; em grande espanto te tornaste e nunca mais serás para sempre” (Ez 28:18,19, Almeida Revista e Corrigida). “Todas as nações que o conheciam ficaram chocadas ao vê-lo; chegou o seu terrível fim, você não mais existirá” (Ez 28:19, NVI). “Farei conhecido o meu santo nome no meio do meu povo de Israel e nunca mais deixarei profanar o meu santo nome; e as nações saberão que eu sou JAVÉ, o Santo em Israel” (Ez 39:7). “JAVÉ acabará com tudo o que vocês planejarem contra ele; a tribulação não precisará vir uma segunda vez” (Na 1:9, NVI). “Nunca mais haverá qualquer maldição” (Ap 22:3). Aleluia e amém! Esmagada está a cabeça da serpente (Gn 3:15)! Ao lado da hipocondria divina ao criar o “lago de fogo” certamente há uma ansiedade divina contida manifesta numa enorme alegria divina ao finalizar o mal para todo o sempre e reinaugurar o bem eternamente com Seu universo feito perfeito mais uma vez, com Suas inúmeras criaturas experientes e decididamente leais a Deus! Por isso que Deus, quando por aqui empoeirou os pés, disse: “Eu vim para lançar fogo sobre a terra e bem quisera que já estivesse a arder” (Lc 12:49; cf. Is 6:15,16). Portanto, “se assentará o tribunal para lhe tirar o domínio [do mal], para o destruir e o consumir até ao fim” (Dn 7:26) e dele não se verá sequervestígios(Dn 2:35)! “O reino, e o domínio, e a majestade dos reinos debaixo de todo o céu serão dados ao povo dos santos do Altíssimo; o seu reino será reino eterno, e todos os domínios o servirão e lhe obedecerão” (Dn 7:27).  Hendrickson Rogers

 Lista de todos os capítulos desta odisseia soterio-escatológica:


     D) O Juízo Final.

Se desejar, baixe o livro o Juízo, o qual é a reunião de todas estas pesquisas! É só clicar AQUI.

Compartilhe com os seus o que lhe interessa!

PDF e/ou impressão:

Print Friendly and PDF
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Envie este artigo para seus seguidores!

Locais dos Estudantes de hoje:

podcasting