terça-feira, 11 de agosto de 2015

Dicas para aprender a gostar de correr!

Sejam todos bem vindos a mais um artigo em nosso site. No artigo de hoje vamos falar sobre como se motivar nos treinos de corrida, veja como utilizar de pequenas atitudes para continuar sempre correndo e o melhor, feliz em praticar tal atividade.

Primeiramente é fundamental que você esteja ciente que os primeiros meses serão os mais difíceis. Uma vez superar é Nas primeiras semanas que surgem as dores musculares, é onde o cansaço é enorme, irá faltar fôlego para correr e muitas vezes surgirão àquela preguiça de exercitar.
Mas nosso artigo está aqui para te ajudar a amenizar tais incômodos e jogar para bem longe quaisquer possibilidade de desistência. A melhor forma de encarar estes incômodos naturais é justamente entender o que está acontecendo em nosso corpo.

Ficar por dentro das mudanças

A primeira alteração é a cardiopulmonar, ou seja, a primeira coisa que irá sentir é falta de fôlego para continuar correndo. Com apenas 8 semanas, já será possível notar uma melhoria incrível na capacidade contrátil do coração, seja ela em repouso ou durante o exercício.
Esta contração mais eficiente fará com que haja melhora no fluxo sanguíneo para os músculos e outros tecidos. Esta adaptação permitirá que a pessoa consiga correr melhor e se cansar menos.
Agora precisamos cuidar das dores musculares. Especula-se que com aproximadamente 12 semanas, a capacidade de utilização do oxigênio pelas fibras musculares já sejam muito mais efetivas do que quando se iniciou as corridas.
Esta adaptação permite que o músculo obtenha a energia necessária para realizar a contração muscular, mas o organismo irá oferecer esta energia de uma forma mais econômica, ou seja, haverá mais energia para fornecer e o exercício será mais eficiente e menos doloroso, uma vez que haverá retardo dos efeitos da fadiga.

Acertar no treino é fundamental

Dentre os principais fatores de desistência dos iniciantes na corrida estão os objetivos inalcançáveis e/ou utilização de exercícios de maneira equivocada. Na corrida, a maior vitória é comemorar a pequenas conquistas.
Se o treino for efetuado de maneira correta, o percentual de desistência é mínimo. O objetivo deve ser tirar esta pessoa do sedentarismo e permitir que aos poucos ela possa desfrutar de todos os benefícios que a corrida pode oferecer.
Na sequencia do nosso artigo, vamos apontar diversas dicas para te motivar e principalmente evitar que desista deste esporte maravilhoso para sua saúde.
  • Não tenha vergonha de caminhar durante o exercício. Principalmente nos primeiros dias, é natural que a pessoa não consiga correr 10 minutos contínuos, ou seja, pare, retome o fôlego e depois continue novamente.
  • É fundamental respeitar o período correto de descanso entre um treino e outro. Exercitar-se todos os dias com a mesma intensidade é impossível e perigoso, além de provocar fadiga excessiva, incomodo e fortes dores musculares, fatores totalmente desmotivadores.
  • E ao contrário do que muitas pessoas imaginam, é justamente neste período de repouso que acontece a adaptação corporal e o ganho dos tão desejados benefícios.
  • É muito importante manter o ritmo. A chave do sucesso é iniciar sempre de forma leve nos primeiros treinos, para somente depois que melhorar o condicionamento físico, ir aumentando a carga de trabalho e velocidade do mesmo.
  • É natural encontrar pessoas que desejavam correr rápido logo nos primeiros dias, e ao tentar se cansavam rapidamente e desanimavam de continuar se exercitando.
  • Outra dica valiosa é de forma alguma realizar comparações. Existe uma coisa que se chama individualidade biológica, ou seja, cada pessoa é única, cada resposta é única e cada treinamento é diferente.
  • Ao invés de se preocupar como o outro está fisicamente ou esteticamente, pense em seu benefício próprio, busque sua motivação interior e jamais se sinta inferior a nenhuma outra pessoa.
  • Ouvir música durante o treino é incrivelmente benéfico, a pessoa se motiva mais e acaba distraindo um pouco, não notando o cansaço logo de cara. Sem sombras de dúvidas, escutar aquela música favorita durante o exercício fará com que você chegue mais longe a cada dia.
  • Outra dica interessante para quem corre ao ar livre é buscar sempre novos lugares. Sim, por mais bobo que pareça, ao sair da monotonia você vai conseguir ajudar e muito melhorar o seu desempenho. Principalmente se o lugar tiver bastante contato com a natureza.
  • E a nossa dica final é que você divirta-se. Não há nada melhor do que estar fazendo algo onde se sinta prazer e esteja motivado, enquanto você estiver correndo com alegria e diversão, nenhum dos obstáculos será grande o bastante para incomodá-lo.
Fonte: Saúde melhor.

Compartilhe com os seus o que lhe interessa!

PDF e/ou impressão:

Print Friendly and PDF
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Envie este artigo para seus seguidores!

Locais dos Estudantes de hoje:

podcasting